Pesquisa e Desenvolvimento

Mosca Negra

A mosca negra foi relatada em 2006, inicialmente na região Leste e, a partir de 2011, nas regiões Norte e Noroeste. Nessas regiões, encontra-se em plena expansão e passou de 0,7% de plantas afetadas, em 2009, para 5,0% em 2012.

Em 2012, estava presente em 19,7% das plantas na região Leste, 1,6% na região Noroeste e 1,4% na região Norte. Até o momento, a praga não foi encontrada em levantamentos nas regiões Centro, Oeste e Sul.

O avanço da mosca negra no parque citrícola e a sua aparente ausência em algumas regiões exigem maior atenção por parte dos citricultores com relação ao controle onde ela já ocorre e a medidas de prevenção em novas áreas.

Quantidade (%) de talhões contaminados

Veja mais arrastando o gráfico para os lados.
Talhões contaminados
Centro Norte Noroeste Oeste Leste Sul
2009 0 0 0 0 2.95 0
2010 0 0 0 0 5.49 0
2011 0 1.05 1.61 0 12.75 0
2012 0 1.43 1.6 0 19.75 0