Alerta Fitossanitário

Como Formar Grupos

A formação dos grupos de manejo regional do psilídeo é sempre voluntária, partindo do acordo entre citricultores localizados numa mesma região com o interesse comum de melhorar o controle do psilídeo e HLB.

O Fundecitrus tem auxiliado os citricultores interessados organizando reuniões, dando treinamentos sobre monitoramento e controle de psilídeo, compilando as informações coletadas pelos participantes no Alerta Fitossanitário e indicando os momentos mais adequados para as ações regionais coletivas e coordenadas.

Características dos Grupos de Manejo Regional de Sucesso

Liderança: Cada grupo deve ter uma ou duas pessoas responsáveis por guiar o grupo e facilitar as atividades do grupo. As decisões devem ser tomadas sempre coletivamente pelo grupo.

Participação dos citricultores: A maioria dos citricultores da região deve participar das atividades do grupo para que o resultado seja melhor.

Comunicação: Deve haver uma comunicação constante entre os citricultores do grupo sobre práticas de manejo adotadas e sobre as futuras aplicações coordenadas. Algumas empresas até podem realizar monitoramento para outros participantes num esforço de facilitar a comunicação entre eles sobre as populações de psilídeos e necessidades de medidas de controle.

Avaliação: avaliação da eficiência das pulverizações coordenadas realizadas e ajustes no planejamento das pulverizações coordenadas devem ser feitos pelo grupo a cada ano.

Planejamento de Pulverizações Coordenadas

De quatro a seis pulverizações coordenadas devem ser realizadas por ano.

As pulverizações coordenadas são guiadas pelo Alerta Fitossanitário, mas as decisões devem ser feitas em conjunto com todo o grupo, com antecedência para que todos possam ser preparar.

As decisões são baseadas em:

-Quando se espera que a população de psilídeo irá iniciar seu aumento (também quando se espera que as plantas irão brotar).

-Quando a maioria dos citricultores irá concordar em participar.

Os citricultores são livres para escolher:

- Inseticida (recomenda-se inseticidas do mesmo modo de ação, mas não é obrigatório).

- Modo de aplicação do inseticida (pulverização terrestre ou aérea).

O fundamental é que as pulverizações coordenadas sejam realizadas pelos participantes na mesma semana.

Apoio